quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

Retrospectiva e análise: Ano de 2010

Continuando a série de posts de retrospectiva, esse é o post que será uma retrospectiva do ano de 2010 no geral. Falarei dos lançamentos mais marcantes e importantes do ano na área de tecnologia, não necessariamente na ordem em que foram lançados.

No início do ano, o filme Avatar despertou o 3D no mundo. Com isso, logo na CES 2010, várias fabricantes como Samsung, Toshiba, LG e Sony anunciaram TVs que suportam o conteúdo em 3D, sendo que a da Toshiba possui uma tecnologia que converte o conteúdo normal em 3D. 

Essas TVs precisam de óculos, e eu já testei uma e posso dizer que o óculos não incomoda na experiência de assistir à TV, porque o 3D é fenomenal!

O único problema dessas TVs aqui no Brasil é que elas custam em média R$10000,00 cada uma, mas com o tempo isso vai melhorar muito.

Com isso, a Sony lançou uma atualização de software para o PS3 que possibilitou a compatibilidade com o conteúdo em 3D. Vários jogos 3D para PS3 foram lançados. 

Também foram lançados Blu-Ray players que suportam Blu-Rays em 3D, mas eu acho que a mídia (Blu-Ray em 3D) será lançada somente no ano que vem, porque acho que não se teve notícia de um filme em Blu-Ray 3D.

O 3D explodiu esse ano. Vários filmes em 3D foram lançados e serão lançados ainda mais. O filme Avatar, mesmo não ganhando os Oscars que merecia porque a Academia é clássica, mudou a história do cinema e do mundo para sempre.

Com toda essa explosão 3D, notebooks que suportam a tecnologia também foram lançados.

O grande resumo disso tudo é que há um tremendo suporte para a tecnologia 3D, porém ainda não há tanto conteúdo assim. Quando o 3D ficar mais barato e o conteúdo começar a surgir nos canais de televisão, aí sim o conteúdo 3D como um todo vai começar a surgir em várias áreas (filmes, programas, jogos).

O 3D precisa se massificar para fazer sucesso. Ele ainda é uma coisa "de rico" e com pouco conteúdo.

Não vou falar aqui dos vários e vários lançamentos da CES porque foram muitos, mas o mais importante foi o 3D.

Vale lembrar que na CES o Google anunciou o Nexus One, que tinha tudo para ser o melhor celular de todos, se o iPhone 4 não tivesse sido lançado. 

Esse celular abriu caminho para vários outros celulares importantes com Android que foram lançados esse ano, como o Galaxy S da Samsung, que na minha opinião é o melhor celular com Android.

Falando no Galaxy S, ele têm recursos ótimos, muito parecidos com os do iPhone 4 e é o único concorrente à altura.

O Galaxy S vem com Android 2.1, resolução de 480x800, TV digital, 1GHz de processador, 16GB de memória interna (aceitando expansão com cartões de memória). Ele já vem com um "Office" e uma integração à redes sociais. Possui uma câmera de 5MP que filma em HD a 720p (podendo escolher outras resoluções). 

Ele é um celular bom, melhor do que o Xperia, da Sony Ericsson, ou do que o Milestone, da Motorola. Todos eles rodam Android. Falando nisso, o Android se popularizou muito rápido esse ano. Apareceram vários celulares com Android e continuam aparecendo vários. 

Todos eles possuem muitos recursos, mas a atualização do software depende da operadora de telefonia celular para ocorrer, e por isso muitos celulares se perdem no tempo porque ficam desatualizados. Porém, isso vai mudar com o Android 3.0.

O N8 da Nokia não foi um lançamento tão bom assim porque o sistema operacional dele é ultrapassado, então o celular não ficou bem aproveitado. A Nokia ainda vai precisar correr muito para chegar aos pés do Android ou do iOS.

O Android ganhou fatia de mercado muito rápido, e ela continua crescendo cada vez mais. Todas as fabricantes irão aderir ao Android, menos a Microsoft e a Apple.

O iPhone 4 também foi um lançamento importante no ano, porque várias pessoas que nunca pensaram em comprar um iPhone finalmente puderam cogitar essa possibilidade já que ele possui vários recursos pedidos pelos usuários há tempos.

A Microsoft lançou o Windows Phone 7, que é um sistema operacional (e lançou um celular também) muito bom, com uma interface parecida com o Zune, sendo confusa algumas vezes, mas é um sistema muito mais bonito que o Android. 

Se ele tiver os aplicativos certos, ele certamente vai derrubar o Android. Acho que isso talvez não ocorra porque já existem muitos desenvolvedores no iOS e no Android, então a migração para outra plataforma é meio complicada. Por isso, talvez o Windows Phone 7 talvez vire um fracasso antes mesmo de aparecer no mundo dos smartphones.

Outro lançamento extremamente marcante para o ano e para a história foi o iPad, que pretende mudar todo o estilo da computação móvel, a mídia escrita e a maneira como lemos livros. 

Ele fez muito sucesso, bem acima do esperado, e tem vários aplicativos interessantíssimos que realizam diversas funções. Estima-se que o iPad 2, que teria câmeras para FaceTime, entre outras funções, será anunciado em janeiro de 2011. Eu estarei com vocês aqui caso isso ocorra!

Os jogos importantes desse ano foram: 
  • God Of War 3, para PS3.
  • StarCraft II para Windows e Mac OS X.
  • Gran Turismo 5 para PS3, que possui gráficos excelentes.
  • Call Of Duty: Black Ops para PS3, Xbox 360, Wii, Nintendo DS, Windows, Linux e Mac OS X. Ele é a continuação da história do jogo Call Of Duty: World At War.Os jogos para iOS também explodiram esse ano. O jogo mais importante foi Infinity Blade, que é o melhor jogo em gráficos para um dispositivo com iOS e ele é um jogo de batalhas em um castelo medieval. 
O Infinity Blade foi desenvolvido com a engine Unreal Engine 3, liberada gratuitamente pela Epic Games essa semana para os desenvolvedores criarem jogos com ela. Isso aumentará a qualidade gráfica dos jogos para iOS, já que essa engine permite jogos tão fantásticos em gráficos.

Um lançamento muito importante para o mercado de jogos foi o Kinect, que definitivamente revolucionou a maneira como os jogos serão jogados daqui pra frente. 

Ele é um acessório para Xbox que detecta seus movimentos e o personagem reproduz os movimentos quase que da mesma forma que os seus. Isso deixa o jogo muito mais interativo e a pessoa realmente sente-se dentro do jogo.

O Kinect possui duas câmeras para detectar os movimentos, sendo que uma delas é infravermelho. Tudo isso para funcionar no escuro e para que a pessoa não veja o infravermelho, porque se fosse outra coisa para detectar a luz, a pessoa poderia enxergar, mas o ser humano não enxerga o infra-vermelho.

O Kinect possui muita tecnologia envolvida, mas o importante é que a pessoa terá diversão garantida e ela realmente terá uma interação com o jogo, ao contrário do Wii, que não reproduz os movimentos com tanta fidelidade.

Com isso, foram lançados o PS Move, que é um acessório do mesmo tipo para PS3 e o Wii Motion Plus, para Wii.

Nesse ano, o twitter apresentou um enorme crescimento, principalmente no Brasil e contou com várias melhorias no visual e nos servidores. O twitter é uma rede social com muito potencial e ele será ainda mais aproveitado no ano que vem.

No ano de 2010 foram lançados muitos outros produtos de menor importância mas que contribuíram para facilitar muito a vida do consumidor. Acho que os mais importantes estão nesse post. O próximo post será uma retrospectiva da década.

Eu tentei ser breve nesse post, mas 12 meses para a tecnologia representam muito, e por isso o post ficou longo. Caso eu esqueci algum lançamento, comente sobre ele nos comentários e caso tenha dúvidas, contate o tecnologite (os contatos estão na lateral direita do blog).

Um comentário:

  1. Eu sabia que eu iria esquecer alguns lançamentos.

    Na parte de tablets, ocorreu o lançamento do PlayBook, da RIM, e do Galaxy Tab, da Samsung. O da Samsung possui recursos legais como câmeras, suporta ligações telefônicas e possui TV digital. Ele suporta os apps da loja do Android e da loja da Samsung.

    O da RIM possui um hardware extremamente potente, um ótimo sistema de multitarefa e o ótimo sistema de emails do BlackBerry, além de suportar os apps da loja da RIM.

    Porém, acho que essa concorrência de tablets merece um post separado, por isso vou falar mais detalhes de todas essas tablets do mercado em um post separado futuramente.

    ResponderExcluir