terça-feira, 12 de outubro de 2010

Guerra de consoles portáteis

Na série de posts sobre as guerras tecnológicas, no post passado falei sobre a guerra de smartphones. Nesse post falarei sobre os consoles portáteis.

Essa é uma guerra interessante, porque sempre há inovação nessa área e cada console é mais legal que o outro.

Existem basicamente três empresas que fabricam consoles portáteis amplamente vendidos: a Nintendo, a Sony e a Apple (vocês entenderão porque a Apple também está incluída ao longo do post).

A Nintendo possui o incrível Nintendo DS. Ele é um aparelho que tem duas telas, sendo que a tela de baixo é sensível ao toque. A sua versão mais atual é o DSi, que está disponível no tamanho normal e no tamanho extra-large. O DS no tamanho extra-large é enorme.

É um tamanho inimaginável. Me lembrou aqueles computadores do tamanho de salas no século passado. Não é para tanto, obviamente, mas o DSi XL (extra-large) é muito grande. Isso é melhor porque as telas são maiores e dá para jogar com uma resolução melhor.

O som do DSi melhorou muito comparado ao DS lite, mas o DSi não suporta jogos de GameBoy Advance, ao contrário do DS lite, que suporta. Mesmo assim, o DSi é melhor porque vem com um cartão de memória para que você instale jogos baixados, músicas, vídeos e outros arquivos. Além disso, o DSi tem um navegador de internet incluído.

A nova versão do DS que foi anunciada é o 3DS. Ele suporta imagens em 3D sem a necessidade de óculos, tem giroscópio, duas câmeras que tiram fotos em 3D, áudio superior ao do DSi, sendo que ele simula 5.1 com fones de ouvido bons. Ele não possui memória interna mas virá com um cartão de 2GB.

Ele fará atualizações automaticamente sempre que encontrar um ponto de acesso e ele terá vários softwares como um editor de Miis, um software para mesclar fotos, um software que transforma uma foto em um Mii entre outros.

Ele vai ter os mesmos controles do DSi, microfone e um controlador de intensidade 3D. Ele vai ter um analógico que dizem que é para "virar" a visão do personagem ao decorrer do jogo, mas ainda não se sabe ao certo o que esse analógico vai fazer. Ele vai suportar os antigos cartuchos e já é da 8ª geração.

Estima-se que ele seja lançado no primeiro trimestre do ano que vem tanto no Japão como nos EUA.

A Sony tem o PSP (PlayStation Portable). O PSP é justamente o que o seu nome diz que ele é. Ele tem mais ou menos o tamanho de um controle de PlayStation e é o próprio console ali dentro. Se você tem um PlayStation, só convém comprar o PSP caso você queira jogar seu PlayStation na rua. Caso queira jogar outra coisa, compre o Nintendo DS ou o misterioso console da Apple.

O PSP Go é a versão mais atual do PSP, e eu particularmente prefiro o design do PSP 3000 porque não é um design "slider". Na verdade, o PSP Go não procura substituir o PSP 3000 por enquanto porque ele não tem um drive de UMD (o disco do PSP) porque os jogos são comprados pela PlayStation Store. Ele tem bluetooth e 16GB de memória interna e suporta arquivos de música, vídeo, foto e outros tipos de arquivos.

Todos os PSPs têm esse suporte, e o PSP que você conhece é aquele que tem o drive de UMD e não tem um design "slider". No futuro, os jogos serão sim comprados via internet e o UMD não vai mais existir. Enquanto existirem pessoas que não gostem de comprar coisas pela internet, o PSP com drive de UMD vai continuar existindo.

Considera-se que o PSP Go é da 7ª geração. Com isso, espera-se que a Sony lance um modelo muito melhor de PSP para o ano que vem, quando o 3DS já vai ser lançado.

O PSP tem o gráfico infinitamente melhor que o DS, porque os jogos são diferentes. São jogos de PlayStation, e não jogos como Mario ou Zelda, que não são pessoas reais, mas desenhos.

E qual o console misterioso da Apple? Bom, visto que a propaganda desse produto é baseada em jogos e o público alvo são adolescentes, o iPod touch é sim um console portátil para jogos.

A grande vantagem dele é que o jogo mais caro custa 10 dólares e dá para comprar jogos bons por preços menores. Além disso, ele é essencialmente um iPod, ou seja, dá para ouvir música, ver vídeos e fotos e acessar a internet. E ele não tem somente jogos, ele tem uma série de aplicativos que realizam diversas funções.

O iPod touch tem suporte a bons gráficos, mas claro que não são tão bons quanto os gráficos de um console dedicado, porque jogar é apenas uma das utilidades que o iPod touch tem.

Mesmo assim, as pessoas estão cada vez mais considerando a compra de um iPod touch para jogar porque ele é barato e seus jogos, também, o que é algo que influencia muito na hora de escolher um portátil.

Porém, falta muito ainda para a Apple ser reconhecida como uma fabricante de consoles portáteis para jogos, e a verdadeira guerra é ainda entre a Nintendo e a Sony, mas o novo iPod touch está sendo um concorrente de peso para ambas as empresas. Ele está pegando mercado delas, e acredito que ele pegará ainda mais mercado.

Esses são basicamente os consoles portáteis do mercado. Há poucas opções, mas as que existem oferecem excelentes funcionalidades e os aparelhos tem várias utilidades.

Quaisquer dúvidas, postem nos comentários ou enviem um email.

0 comments:

Postar um comentário